Baboseiras, curiosidades e impressões

De wikITA

26 de setembro de 2011

Palavras - Mudança

Gosto do som de algumas. Gosto do que representam.

Mudança, jamais, óbvio, previsão, valores, integridade, processo, aceitar e por aí vai.

Há algum tempo, conhecido meu enfáticamente afirmou: Na vida há duas constantes: a mudança e a morte.

A morte aceitei: sei que vou morrer.

Mudança parecia que estava certo. Passou-se o tempo. Recebi de familiar foto minha quando jovem, teria coisa de três ou quatro anos. Ao arquivar a foto dei de cara com foto da época em que me formei aos vinte e três anos. Vi-me no espelho.

Não tenho dúvidas: mudança é constante. É contínua. Mudo a cada instante que passa. O acúmulo dos anos se mostra.

Pode ser que não esteja mudando no pensar, fico rígido. Também não, mudo. A vida faz isto comigo.

O mundo ao meu redor muda.

Penso que havia rádio e cinema e aí vem a TV. Em preto e branco e depois cor.

Alta fidelidade, long-playing. Válvulas.

Radinho de pilha. Transistor.Antibiótico. Avião a jato. Computador.

Ar condicionado. Forno de microondas.

Freezer. Congelados.

Imaginem a revolução e evolução do telefone, comunicações!

Viagem à lua. A terra é redonda vista em foto.

Internet, microcomputador, celular, ipod, iphone, ipad, wireless, e outras siglas mais.

Podem googlar à vontade e vejam que o mundo muda também.

Estou convencido de a mudança ser uma constante.

Fernando Coelho 26/09/2011

PS: Quero contribuições. Enriquecem-me.


Blogando na wikITA

Ferramentas pessoais