Octávio Simões Prado

De wikITA

Border

Filho de Agenor Prado e Lídia Simões, sua mãe foi uma pianista de destaque na São Paulo dos anos 40 e 50

Foi supervisor de vendas industriais da Shell do Brasil S/A nos anos 60

O texto a seguir foi publicado por Waldyr Minchillo na seção Memórias de O Suplemento #75 de maio de 2007:

Como todos sabemos, nos anos 50 poucos eram os iteanos que dispunham de um automóvel.
Era, porém, comum, alguns alunos, principalmente os de São Paulo, aparecerem na segunda-feira braba com o carro do genitor para gozar as delícias do carango por uma semana, com devolução prevista no sábado seguinte.
Foi o que aconteceu com o Otávio (AERON-56), que se apresentou com um belíssimo Kaiser, hoje não mais fabricado. Numa das aulas de Estruturas, fiquei sabendo que havia uma aposta entre o feliz motorista e seus companheiros de AP para ver quem chegaria primeiro na fila do nosso querido Natalino.
Otávio de carro, os demais de bicicleta. Tão logo acabou a aula, ao meio-dia, saem os quatro em desabalada carreira. Otávio liga o motor do automóvel, nessas alturas já embicado para o lado do restaurante. Engrena a primeira e arranca como os corredores de Fórmula 1. Só que não saiu do lugar. Seus concorrentes tinham travado as rodas do carro sem que o mesmo percebesse. Não deu outra: com um grande estalo lá ficou o belo Kaiser, imobilizado, cardan no chão, tal qual jegue apaixonado.

imagem:PradoMatConstr.JPG


Turma de 1956

Ferramentas pessoais