Pio Caetano Lobo

De wikITA

Nasceu em Goa na Índia portuguesa em 11 de julho de 1936.

Graduou-se na Universidade de Bombaim em 1955.

Graduação em Engenharia Mecânica na Universidade de Londres, 1958.

Veio para o Brasil em 1967.

Frase que marcou sua passagem pelo ITA: Montanhs é um buracs negativs no chão

Em 1975 mudou-se para a UFPb e ajudou a construir o LES (Laboratório de Energia Solar) do Depto de Tecnologia Mecânica.

Atualmente ensina na Faculdade de Engenharia de Itajubá.


Um agradecimento:

Nunca vou esquecer a apostila de TER-14 do Pio.

Foi através dela que pude, depois de formado, e consultando as referências que utilizou para escrevê-la, compreender a maneira de "pensar a Engenharia" que certamente é única entre todos os ensinamentos que tivemos na nossa formação de Engenheiros e que marca meu modo de engenheirar até hoje.

A dificuldade do Pio em falar um português compreensível, ou o inglês com seu sotaque londrino de Gana totalmente incompreensível para nós alunos, tornava suas aulas um suplício.

Para completar, ainda por cima, sua pedagogia:

Pergunta após uma explicação do Pio e uma tentativa de comprensão: Mas afinal é ou não é ?

Resposta: Depende.

Que agonia, ter que pensar sobre que limitações valiam ou não naquelas suas abstrações.

Pois senão vejamos:

Considere um process casi static entre dois stads de um pistão. Considere que sob a superfície superior do pistão existam pequens pesis. Vá retirando os pesis, sem realizar trabalh, deslocando-os para fora da sua superfície. Pass a pass, o pistão vai se deslocando do stads 1 para o stads 2. Colocando os pesis de volta, sem realizar trabalh sobre os pesis, volta-se ao stads 1.

Esse process casi static é o mais perfeito process entre os estads termodinâmics 1 e 2 dos gases confinads pelo pistão.

Pio tinha costruído, abstratamente, o processo reversível (ideal) e portanto realizado (ou recebido) a máxima quantidade de trabalho útil possível entre 1 e 2. Todos os demais processos (reais) entre os estados 1 e 2 perdem alguma possibilidade de realização de trabalho.

Mas afinal quem tiraria esses pesinhos do process casi static? Seriam os Demônios de Maxwell?

As leis da Termodinâmica são mandatórias. Não como as leis feitas pelo Congresso brasileiro, as quais umas pegam outras não. Quem violar as leis da Termodinâmica está sujeito a perder seu diploma de Engenheiro do ITA.

São como as leis dos grandes números na Matemática. Dão as ordens de grandeza dos produtos e das divisões. As leis da Termodinâmica afirmam que existem limites superiores para os processos reais e portanto, experimentalmente podemos determinar eficiências e saber o quanto esperar da melhoria continua do processo.

Convivi como colega e discípulo do mestre Pio no ITA e por um longo tempo na UFPb em João Pessoa. Chegou um momento que cresci e parti para vôos próprios.

Muito obrigado, Pio Lobo por ter em mim confiado.

Paulo Ignácio Fonseca de Almeida (ELE-73)


"As dúvidas continuavam. Mas tinhamos que pensar."

"Um dia quem sabe aprenderemos."

Links externos

CV no Sistema de Currículos Lattes

Curriculum vitae no PraBook


Professores do ITA

Ferramentas pessoais